segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Vox Populi: Saúde é maior preocupação dos brasileiros



O levantamento apontou que a situação dos hospitais e dos postos de saúde é motivo de preocupação para 41% dos brasileiros. A segunda maior preocupação é a segurança pública (24%), seguida da corrupção (10%) e da educação (9%). Apenas 6% dos brasileiros apontam o desemprego como algo preocupante. Outros problemas são a injustiça social (2%), os baixos salários (2%), a economia (2%) e a habitação (1%).

A região onde a preocupação com a saúde é maior é o sul (46%) e com a segurança pública, o Nordeste. Ainda em relação à saúde, a preocupação é maior entre as mulheres (44%) e nos grupos com menor escolaridade (44%) e menor rendimento (42% entre os que ganham dois salários mínimos).

O instituto ouviu 2.201 pessoas em 161 municípios de todas as regiões do país. A margem de erro é de 2,1 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Por Carta Capital

Gasto de Alckmin com publicidade superou o de educação e segurança, foram gastos R$ 238 milhões em 2013!



O governo do Estado de São Paulo gastou em 2013 com publicidade R$ 238 milhões, segundo o portal Transparência. Este valor é duas vezes o total pago em investimentos na Secretaria de Educação do Estado (R$ 110 milhões). É mais do que os investimentos pagos, somados, nas secretarias de educação e segurança (R$ 108 milhões). Os valores não estão corrigidos. A Liderança do PT na Assembleia paulista encaminhará ao secretário da Casa Civil, Edson Aparecido, pedido de informações sobre os critérios utilizados para a distribuição de recursos da publicidade oficial. O maior gasto foi justamente na Casa Civil: R$ 191 milhões. Segundo os números do PT, as despesas de publicidade do governo cresceram 141%, entre 2011 e 2013, saltando de R$ 99 milhões para R$ 238 milhões.

Nessa conta não estão incluídas os gastos de empresas independentes, como o Metrô, a Sabesp e a Dersa. O líder petista Luiz Cláudio Marcolino quer saber quem são os destinatários desses recursos, desde 2007, e se houve gastos de publicidade em publicações de circulação nacional. Pedidos de informações serão encaminhados também para o Metrô, Sabesp, Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos. Em 2005, no terceiro ano da gestão anterior de Alckmin, foram gastos com publicidade R$ 67,5 milhões. No terceiro ano agora, houve um acréscimo de R$ 176 milhões. "Os gastos nada mais são do que uma tentativa de sobreviver a uma avaliação negativa da gestão pública", diz Luiz Marcolino, líder do PT na Assembleia.

Professor aponta o poder das agências

Especialista em finanças públicas, o professor da Universidade de São Paulo (USP) Adriano Biava diz que o critério de pagamento do governo estadual revela quais são as prioridades da gestão. "Fica claro que as empresas de comunicação e propaganda têm um alto poder de barganha, ainda mais se considerarmos que estamos dentro de um ano eleitoral", diz. Ele destaca que a ordem para efetuar os pagamentos não é decidida com base em critérios técnicos. O que não é pago em um ano fica como restos a pagar para o período seguinte. Procurada, a assessoria de comunicação do Palácio dos Bandeirantes não quis comentar.

Fonte: PTALESP

Ligação de telefone fixo para celular ficará 13% mais barata em março



São Paulo – A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) publicou hoje (24), no Diário Oficial da União, as novas tarifas de remuneração de redes móveis, que vão determinar uma redução de 13% em média do preço das ligações de telefones fixos para celulares a partir do próximo mês. A expectativa da Anatel é que os novos valores nas chamadas de fixo para móvel provoquem uma economia anual para os consumidores da ordem de R$ 2,1 bilhões.

Com as mudanças, o preço médio das ligações locais de fixo para celular passará de R$ 0,45 para R$ 0,39 por minuto. O preço médio das ligações interurbanas feitas de fixo para móvel com DDD iniciando com o mesmo dígito (exemplo: DDDs 61 e 62) passará de R$ 0,93 para R$ 0,80, e o preço médio das demais ligações interurbanas de fixo para celular passará de R$ 1,05 para R$ 0,92.

A redução é resultado do Plano Geral de Metas de Competição da Anatel, aprovado em 2012, e abrange chamadas da telefonia fixa para celular, sejam ligações locais ou de longa distância, originadas nas redes das concessionárias da telefonia fixa (Oi, Telefônica, CTBC, Embratel e Sercomtel) destinadas às operadoras móveis. A Anatel diz que novas quedas de valores estão previstas para 2015.

Fonte: por Sabrina Craide, da Agência Brasil

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Alckmin despenca e o cenário político fica mais indefinido para as eleições






O Cenário da sucessão para o governo de São Paulo está mais que indefinido e a rejeição do eleitorado pela classe política em alta. Estes são os dois pontos que mais chamam a atenção na pesquisa exclusiva de intenção de voto realizada pelo Jornal Estação Free São Paulo/Instituto Opinião Pesquisa.

A oito meses das eleições, o pré-candidato à reeleição pelo PSDB, o governador Geraldl Alckmin, lidera as intenções de voto, mas, em comparação à pesquisa divulgada pela Revisa Free São Paulo, em novembro do ano passado, o líder tucano teve sua intenção de voto reduzida de 38% para os atuais 26,40%, na estimulada. Ou seja, Alckmin despencou 11,60%. Já na espontânea, a situação pouco alterou: dos 13,17% em novembro do ano passado, passou para 12,80% nesta última pesquisa.

O empresário Paulo Skaf (PMDB), segundo lugar há três meses com 12,33%, pontuou agora 12,60% na estimulada. Porém, na espontânea caiu para terceiro ao passar de 1,67% para 2,80%, ficando atrás do pré-candidato do PT, o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha, que saltou de 0,50% para 3,60%. Skaf, portanto, perdeu competitividade, apesar de sua milionária exposição na mídia, o que inclusive gerou para ele uma denúncia na Justiça Eleitoral pelo crime de propaganda antecipada com dinheiro da Federação das indústrias de São Paulo (Fiesp), entidade da qual Skaf é presidente (ver matéria na pág.11). Já Padilha, que semana passada iniciou visitas em um ônibus pelo interior do estado, e o presidente do PSD Gilberto Kassab, mantiveram-se “estacionados no trajeto às próximas eleições, ainda de acordo com a pesquisa Jornal Estação/Instituto Opinião.
 
Na estimulada, o pré-candidato petista, Alexandre Padilha, passou de 8,67% para 8,60% atuais; enquanto que Kassab caiu de 8,33% para 7%. Na espontânea, Padilha deum um salto – passou de 0,50% para 3,60%. E Kassab, em novembro com 1,50% atingiu, agora, 1,80%.

REJEIÇÃO – Também chamou atenção a parcela do eleitorado paulistano que afirmou rejeitar todos os nomes propostos. No período estudado, o percentual passou de 11,83% para 22,80%. “Observamos que vem crescendo, fortemente, a ojeriza do eleitoral pela classe política. Até o momento os eleitores não vislumbraram uma terceira via”, enfatizou o cientista político Nilton César Tristão, sócio-diretor do Instituto Opinião Pesquisa.

A pesquisa foi realizada de 7 a 12 de fevereiro na capital. Foram entrevistados 500 eleitores, com 16 anos ou mais. A margem de erro para o total da amostra é de 4,4%, para mais ou para menos, calculada considerando-se um coeficiente de confiança de 95%. A pesquisa, em nome do grupo Mídia Guarulhos, que edita o Jornal Estação Free São Paulo, foi registrada sob número 00002/2014, para governo do estado, e 00010/2014, para a Presidência da República e Deputado Federal, que será divulgada na próxima edição.


Fonte: Jornal Estação Free São Paulo

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Anvisa proíbe a venda de quatro suplementos alimentares no Brasil




O excesso de consumo de suplementos alimentares preocupa. São vitaminas, substâncias para acelerar a queima de gordura e aumentar a disposição durante os exercícios físicos, mas é preciso cuidado. Na segunda-feira (17), a Anvisa proibiu a venda de quatro suplementos. Os produtos são o Isofast- MHP, Alert 8-hour-MHP, Carnivor e Probolic –SR-MHP. 
 
Um deles contém doses tão altas de vitaminas que pode ser considerado um medicamento. Outro, fabricado nos Estados Unidos, tem componentes que não são permitidos no Brasil.
Os suplementos alimentares mais procurados são os a base de proteína. Três deles foram proibidos pela Anvisa: Probolic, Isofast e Carnivor. Eles têm na composição ingredientes que não são aceitos ou que a quantidade excede o previsto na legislação brasileira, apesar de estarem liberados em outros países.
“Um desses produtos chegou a ter 1.600% de vitamina B12 e 325% de vitamina B6, o que para gente já seria considerado um medicamento”, afirma Thalita Anthony.

Também não pode mais ser comercializado o Alert, que acelera o metabolismo.
Os suplementos tomados sem orientação médica ou de um nutricionista podem provocar problemas, principalmente nos rins e no fígado.  Esses produtos são indicados para atletas, mas não para todos que praticam atividade física.
Segundo o médico especialista em esporte, se há possibilidade de repor a energia perdida com alimentos, melhor. Se não, é preciso levar em conta a intensidade do esforço, e a indicação tem que ser seguida na dose certa, não levando em conta apenas a questão estética.

“Essa pessoa, buscando o imediatismo, achando que se tomar duas ou três vezes ela vai mais bonita duas ou três vezes mais rápido, mais forte, ela acaba tomando. E vem os riscos”, afirma Ruy Pimentel.
O Distrito Federal tem um dos maiores mercados consumidores de suplementos. Em quatro anos, segundo o Sindicato do Comércio Varejista, o número de lojas aumentou 60%.
O dono de uma delas diz que atende em média 60 clientes por dia. Para todo comprador ele faz o alerta. “Não faça um uso indiscriminado do produto que futuramente ele pode não vir a a ter o resultado que ele precisa”, afirma Leonardo Quaranta.

Augusto Magalhães sabe bem disso. Fisiculturista, começou consumindo por conta própria, aos 18 anos. Por sorte não teve problemas de saúde, mas há 7 anos, decidiu não se arriscar mais. “Os suplementos que a gente faz uso, a gente só faz uso no dia de treinamento intenso. Caso contrário é a gente não utiliza, a gente faz na base da alimentação”, afirma.

Cabe às vigilâncias sanitárias locais fiscalizar e garantir que os quatro suplementos proibidos sejam retirados das prateleiras das lojas.


Dois bandidos morrem em confronto com a Polícia Militar em Mira Estrela



Dois bandidos foram mortos no início da tarde desta terça-feira após uma troca de tiros com a Força Tática da Polícia Militar em Mira Estrela. Jurandir e Cleber faziam parte do grupo que assaltou e torturou um casal em uma fazenda na zona rural de Mesópolis, região de Jales.

Segundo informações preliminares, eles estavam escondidos em uma mata e com a aproximação dos policiais os bandidos começaram a atirar. Com eles foram encontrados o restante do armamento usado no assalto.

Agora faltam encontrar outros três assaltantes que continuam desaparecidos nas proximidades de Mira Estrela. Outros seguem presos na Delegacia de Policia e serão interrogados ainda hoje.

Fonte: RegiãoNoroeste

Professora que ironizou passageiro em aeroporto é afastada de cargo na PUC-Rio



A professora Rosa Marina de Brito Meyer, de Letras da PUC, no Rio de Janeiro, foi demitida do comando da Coordenação Central de Cooperação Internacional (CCCI), segundo o jornal O Globo. Em portaria enviada aos funcionários da universidade nesta segunda-feira (17), o reitor comunica que o cargo será substituído por outro professor.

Apesar de ter sido afastada do órgão que firma parcerias de intercâmbio entre a PUC e universidades do exterior, a professora continua dando aulas no Departamento de Letras.
Rosa Marina teve de se desculpar depois de utilizar as redes sociais para zombar de passageiro que esperava para embarcar em um avião. "Aeroporto ou rodoviária?", escreveu a professora na legenda da imagem onde aparece o advogado Marcelo Pereira dos Santos, 33 anos, de bermuda e camisa regata no Aeroporto Santos Dummont. 
O perfil Dilma Bolada, página de humor inspirada na presidente Dilma Roussef, publicou uma mensagem reproduzindo o post, criticando a postura da professora. Em seguida, milhares de internautas compartilharem a postagem da personagem e a professora começou a receber críticas, assim como outros professores que comentaram a foto no mesmo tom.
"Sabedora do desconforto que posso ter criado com um post meu publicado ontem à noite, peço desculpas à pessoa retratada e a todos os que porventura tenham se sentido atingidos ou ofendidos pelo meu comentário. Absolutamente não foi essa a minha intenção", escreveu a professora após a má repercussão.
"Humilhado"

O advogado criticado na imagem afirmou ter sentido "bastante humilhado e magoado" com a postagem no Facebook. Marcelo é sócio de um escritório de advocacia especializado em direito empresarial e marcas e patentes em Nova Serrana, no interior de Minas Gerais. Segundo o site Terra, o advogado voltava de um cruzeiro marítimo pela Argentina, Uruguai e costa brasileira junto com dois amigos. Marcelo contou ao site que não percebeu o momento em que a foto foi tirada. "Usava aquela roupa porque estava à vontade, estava muito quente", disse.

O reitor da Unirio, Luiz Pedro Jutuca, comentou a foto, dizendo que o "glamour foi para o espaço". A professora respondeu: "Puxa, mas para o glamour falta muuuito! Isso está mais para estiva." Após a repercussão do caso, a professora se desculpou e apagou a postagem. 

"O ato dela foi preconceituoso. Os comentários de muitas pessoas que a acompanharam também. Um preconceito de quem acha que uma pessoa pobre não pode andar de avião, não pode frequentar um local como aquele", afirmou o advogado.

Marcelo explicou ainda que uma amiga viu a foto na página Dilma Bolada e o avisou. “Na hora fiquei chocado, assustado, e sem graça porque percebi que a postagem era uma crítica ao modo como eu estava vestido naquele lugar. Depois fui vendo que a maioria dos comentários da matéria era de indignação, que as pessoas estavam do meu lado, o que me deixou um pouco mais calmo”. 

O advogado ainda não decidiu qual decisão irá tomar diante do caso. Porém, ele "cogita" em entrar com um processo judicial contra a professora e os seguidores dela que fizeram comentários preconceituosos no Facebook.

Fonte: O Correio 24hs

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Viscardi Andrade doa luvas de sua primeira vitória para Santa Casa de Jales, leilão virtual já está no ar!


























O par de luvas que foi usado pelo lutador jalesense em sua luta de estréia no UFC (163), quando nocauteou Bristol Marunde logo no primeiro round, no dia 03 de agosto de 2013.

No dia 15 de fevereiro, em Jaraguá do Sul (SC), a fera enfrenta o sueco Nicholas Musoke, disposto a repetir não só o resultado, mas o gesto de caridade feito após o UFC Rio 4, quando doou as luvas da luta para a Santa Casa de Jales, cidade do interior paulista, onde nasceu.

Num gesto se solidariedade, Viscarde doou as luvas para arrecadar recursos para a entidade que é filantrópica, sendo o único hospital geral da cidade e referência para 16 municípios.

Com o registro dos dados pessoais como nome completo, CPF e telefone, qualquer pessoa pode dar seu lance pela internet até o dia 30 de abril de 2014 para adquirir o par de luvas e ainda ajudar a Santa Casa de Jales. O lance mínimo é de R$100 para participação.

Acesse o site e dê seu lance: www.leilaoluvaviscardi.com.br

Classificados: Uno Sporting 2012/13 Completo, Confira o Preço!

Meu amigo Vitor Henrique pediu um espaço para divulgação da venda do seu carro, segue abaixo fotos do UNO SPORTING vermelho, 2012/13 completo, air bag, abs, computador de bordo, 10 mil km rodados, som, enfim, um carro completinho para você por apenas R$ 32 mil reais.

O Espaço aberto pra ele é justo, pois o bom cuidado com os carros vem de berço, ensinado pelo pai Rubão, grande zagueiro, enfrentei a fera várias vezes, sempre cuidou e ensinou como cuidar dos seus carros e certamente quem comprar, fará um grande negócio.

Informações, entre em contato: (17) 99753-6693 Vitor Henrique.






Detalhes do Veículo:
  • Ar Condicionado
  • Direção Hidráulica
  • Vidro Elétrico
  • Trava Elétrica
  • Limpador Traseiro
  • Alarme
  • Rodas de Liga Leve
  • CD Player
  • Farol de Milha
  • Banco regulagem de altura
  • Kit na Cor
  • Novíssimo
  • Único Dono
  • Manual do Proprietário
  • Chave Reserva
  • Baixa KM
  • Carro de Não Fumante


Abaixo as fotos do carro:








BX Eventos Divulga a Grade de Shows da Facip 2014




O empresário Osvaldo Costa Junior, o Bexiga, anunciou na manhã desta terça-feira (10) através do programa Antena Ligada da emissora "Antena 102", a grade de shows da 44ª Facip. 

A empresa BX Eventos foi a vencedora da licitação aberta pela Prefeitura Municipal de Jales, para terceirização da Facip nos próximos três anos. Bexiga confirmou o valor apresentado de R$ 53.000,00 por ano. Serão dos compromissos da Prefeitura Municipal de Jales, entregar o recinto preparado para a realização da Facip. Com condições elétricas, hidráulicas e com vistorias antes e depois da festa.
O evento que será realizado no mês de abril na cidade de Jales/SP, conta com grandes nomes do cenário sertanejo, nove dias de festa sendo deles apenas seis com shows. Segundo Bexiga, o principal motivo para três dias sem shows, é o respeito a semana santa.

Os shows, valores de mesas e camarotes, bebidas, parque e demais informações seguem abaixo!


Mesas e camarotes: Bexiga vai manter a lista, e fazer com que a venda de mesas e camarotes fiquem mais próximas possíveis como a de 2012. Um dos telefones para contato: (17) 99704-8656. O escritória fica na Rua 13, Nº 2258 - Centro de Jales. Mesas com valores R$ 800,00 e R$ 900,00. Camarotes de R$ 1.500,00 até R$ 2.500,00. 

O parque e bebidas: Bexiga disse que contratou um dos melhores parques do Brasil. O escolhido da vez foi o Vitinho Park. As bebidas ainda estão em aberto! Os produtos Ambev, tem nome forte para a festa. 

Boiadas e tropas: Paulo Emílio, Euripinho, André de Mogi, WR, Vale da Piedade.
 
Atrações artísticas de 2014: 10 à 15 de Abri: 

10 de abril (Quinta): Bruno e Marrone
11 de abril (Sexta): Cristiano Araujo
12 de abril (Sábado): Luan Santana
13 de abril (Domingo): Trio do Brasil
14 de abril (Segunda, véspera de Feriado): Munhoz e Mariano
15 de abril (Terça - Feriado): Marcos Paulo e Rulian (falta assinar).


Fonte: FocoNews

segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

Pequenas empresas já ganharam R$ 281 milhões com a Copa 2014


Roberto Haron Filho diretor da empresa Alumiart que conseguiu licença para usar os temas da Fifa em seus baldes / Foto Raquel Cunha Folhapress
Até agora, os preparativos para a Copa do Mundo de futebol no Brasil renderam R$ 281 milhões em negócios para micro e pequenas empresas, de acordo com levantamento do Sebrae.

O resultado tem como base as rodadas de negócios (encontros de empresários que têm como objetivo aproximar fornecedores e compradores) e outros programas coordenados pela instituição.

No total, foram 41 mil as empresas atendidas por esses eventos ou programas relacionadas ao Mundial. Segundo o presidente do Sebrae, Luiz Barretto, um importante ciclo, com muitas oportunidades na área da construção civil e da tecnologia da informação (com aplicativos para turistas, por exemplo), está se fechando no começo deste ano.

"Vimos muitas oportunidades para pequenas empresas relacionadas a grandes obras. Não ganhando as licitações, mas prestando serviços terceirizados. Pequenas empresas que emprestam tapumes, uniformes para operários e alimentação."

Os próximos meses, segundo Barretto, vão ser importantes para empresas do setor de turismo (especialmente hostels e pousadas), artesanato e os serviços em geral.
É para esse momento que se preparou a Alumiart Falcão, que produz itens de alumínio, especialmente baldes de gelo.

Roberto Haron Filho, 44, conta que a empresa obteve licenciamento da Fifa (por meio da Globo Marcas, licenciadora oficial no Brasil) para produzir baldes de gelo com 22 imagens da competição impressas.

Ele conta que soube dessa possibilidade por ter atendido a 100% Design, agência que criou o Fuleco, mascote da Copa.

"Com um produto diferenciado, conseguimos entrar em algumas lojas de departamento, atacadistas e e-commerce que tínhamos dificuldades de acessar."

O Sebrae espera que sejam gerados R$ 500 milhões para micro e pequenas empresas até o fim da competição.

Fonte: Folha de São Paulo - Filipe Oliveira 
Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/02/1409774-pequenas-empresas-ja-ganharam-r-281-milhoes-com-a-copa-2014.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo.
Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/02/1409774-pequenas-empresas-ja-ganharam-r-281-milhoes-com-a-copa-2014.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo.
Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/02/1409774-pequenas-empresas-ja-ganharam-r-281-milhoes-com-a-copa-2014.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo.
Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/02/1409774-pequenas-empresas-ja-ganharam-r-281-milhoes-com-a-copa-2014.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo.
Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/02/1409774-pequenas-empresas-ja-ganharam-r-281-milhoes-com-a-copa-2014.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo.
Para compartilhar esse conteúdo, por favor utilize o link http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2014/02/1409774-pequenas-empresas-ja-ganharam-r-281-milhoes-com-a-copa-2014.shtml ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos da Folha estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização da Folhapress (pesquisa@folhapress.com.br). As regras têm como objetivo proteger o investimento que a Folha faz na qualidade de seu jornalismo.

PF prende advogado que se passava por delegado federal em Jales



A Polícia Federal de Jales identificou nesta segunda-feira (10) um advogado que se passava por delegado federal para tentar conseguir emprego para a mulher dele em empresas da cidade.

De acordo com a polícia, o advogado oferecia favores em nome da PF às empresas, prometendo intermediar solicitações junto aos policiais. Foram realizadas diversas diligências.

O advogado, de 46 anos, foi identificado e pode pegar até seis anos de prisão. Ele já havia sido preso anteriormente por tráfico de drogas e tentativa de homicídio.



Fonte: Do G1 Rio Preto e Araçatuba